Das profundezas clamo a ti Senhor. (Salmo 1:3)

Salmo 130

Das profundezas clamo a ti Senhor.

Acho muito interessante como os autores Bíblicos descrevem o ser humano em suas mais diversas facetas. Olhando para este salmo temos uma descrição interessante sobre uma dessas facetas.

O Salmo 130 é considerado um salmo de romagem, ou cântico de subida , em outras palavras, um salmo que era cantado enqunato o povo caminhava em direção ao templo se preparando para adorar ao Senhor.

Das profundezas aqui se refere literalmente a águas profundas, abismo, os lugares mais obscuros e sombrios. Traz a idéia de aflição.

O mesmo termo foi usado em Ezequiel 34 quando descrevia a queda de Tiro, onde os mesmos se viram numa aflição inenarrável, cujo terror se fez notório entre todos os povos.

 Não consigo ver o povo cantando este salmo de outra forma senão de uma maneira bem mórbida e desanimada. Tentei até solfejar algo que pareça com os dizeres iniciais deste salmo, e confesso que é mesmo deprimente.

De fato, quando o assunto é pecado não há como termos outra coisa em mente senão a terrível condição humana. Romanos 3:23 já no diz que todos pecaram e carecem da glória de Deus, ou seja, não há um justo, nem um sequer em toda a face da terra. Afinal de contas, a própria Bíblia nos fala que nossa justiça é considerada como trapo de imundícia  (Isaías 64:6).

De fato, o pecado é que nos leva aos lugares mais profundos de nossa existência, colocando-nos num abismo cuja transposição é impossível por nossas próprias forças.

O que podemos entender por este verso inicial?

Podemos entender que diante de Deus, um ser plenamente santo, não há como nos vermos e nos entendermos de outra forma se não como pecadores. Uma das doutrinas biblicas mais impactantes é a depravação total, na qual vemos o homem em completa separação de Deus.

E para os Cristãos, qual a lição a ser aprendida? Pode-se entender que uma vida longe da presença de Deus nos deixa extremamente deprimidos, prostrados num abismo que nos leva até mesmo a perder a alegria da salvação (Salmo 51:12).

Podemos no dia de hoje pensar um pouco mais sobre como tem sido nossa vida em relação ao pecado. hoje é dia de pedir perdão a Deus pelas nossas faltas. Rogar-lhe seu favor para que possamos viver uma vida santa.

É certo que, mesmo que no mais profundo abismo, Deus ainda nos da a oportunidade de clamar. Por isso, clame a Deus.

 

Ore: Senhor, tu sabes que sou pecador. Longe da tua presença não ha como viver em pas, por isso, olha pra mim Senhor e perdoa os meus pecados para glória do teu majestoso nome.

About these ads
Esta entrada foi publicada em Devocional. ligação permanente.

Uma resposta a Das profundezas clamo a ti Senhor. (Salmo 1:3)

  1. LENI diz:

    A PALAVRA DE DEUS ME FASCINA.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s